Curiosidades,  Gemas Preciosas,  News

Como classificar Diamantes?

Para saber como classificar Diamantes você precisa entender os 4 C’s deles. Esses 4 C’s correspondem aos índices de Peso (Carrat), Cor (Color), Clareza (Clarity) e Corte (Cut). É importante conhecer essas informações porque essa é uma gema de extremo destaque no mundo da joalheria e do mercado de maneira geral. Da mesma forma, joias adornadas com Diamantes estão entre as mais belas e famosas de todas, por isso, a experiência com a aquisição de uma deve ser completa!

Os 4 C’s do Diamante

Essa classificação, chamada de International Diamond Grading System, foi criada pelo GIA, o Gemological Institute of America. A partir dela foi possível determinar a qualidade de Diamantes em todo o mundo. Isso não só facilitou a diferenciação de uma pedra para outra como também sua comercialização. Além de Diamantes o Instituto também é uma autoridade em pedras coloridas e pérolas.

Níveis de Cor

De todas as cores que um Diamante pode ter, é a ausência delas que caracteriza seu nível mais valoroso. Isso quer dizer que quanto menos cor um Diamante possuir, maior será o seu valor. A classificação criada pelo GIA, que exclui os Diamantes coloridos e trata apenas dos que variam de incolor até amarelo e chocolate, começa na letra D e vai até Z. Dentre essas letras existem níveis de aparência de cor que podem ser incrivelmente sutis, mas estão lá. Os Diamantes de cores mais incomuns são mais raros e tem sua própria classificação. Eles são chamados de “Fancy”. Veja na imagem os nomes dos níveis de cor.

Como classificar Diamantes?
Crédito: Tabela ABNT/IBGM

Níveis de Clareza

Como qualquer outra gema, os Diamantes não estão imunes a algumas falhas, chamadas de inclusões. Essas inclusões acontecem justamente por ele se formar em condições de extrema pressão e calor e são elas que determinam seu nível de clareza. Assim como a cor, quando menos inclusões ele tiver, maior será seu valor. Contudo, diferentemente da cor, são 11 níveis que determinam a clareza de um Diamante. Em relação às inclusões a classificação considera: tamanho, natureza, posição, cor ou relevo, quantidade sob ampliação de 10x. Abaixo está a escala.

Como classificar Diamantes?
Crédito: Tabela ABNT/IBGM

Grau de Corte

Uma das características mais apreciada dos Diamantes é sua capacidade de irradiar luz e brilho. Esse apreço existe justamente por causa dos tipos de lapidação aplicados à essas gemas, que intensificam ao máximo essa capacidade. Quanto melhor o corte, mais luz e brilho o Diamante vai irradiar e assim, maior será o seu valor. Dos 4 C’s dos Diamantes, o de Corte é o mais complexo de se analisar, uma vez que ele é o que tem mais fatores a considerar em relação à pedra. São eles: brilho, fogo (dispersão da luz branca em todas as cores do arco-íris), cintilação (quantidade de brilho produzido e o padrão de áreas claras e escuras causadas por reflexos dentro do diamante), design, acabamento, espessura, simetria e polimento. Abaixo a classificação do retorno de luz.

Como classificar Diamantes?
Crédito: Tabela ABNT/IBGM

Medida de Peso – Carrat

A primeira coisa que precisa ser esclarecida quanto ao peso de um Diamante é que ele não é diretamente proporcional ao seu valor, ou seja, um Diamante mais pesado não é necessariamente mais valioso do que outro mais leve. Isso porque caso um Diamante mais leve seja mais transparente, tenha menos inclusões ou manchas e tenha sido melhor lapidado, ele com certeza será mais valioso que um Diamante mais pesado. O quilate, a medida de peso dessa pedra, é equivalente a 200 miligramas. Isso quer dizer que um Diamante de 1 quilate pesa 0,20 g. Além disso, o quilate é dividido em 100 unidades, que são os “pontos” indicados ao lado das especificações de gemas e joias. Um Diamante de 30 pontos, por exemplo, pesa 0,3 quilates. Agora, veja os anéis de ouro da imagem abaixo.

Como classificar Diamantes?

O anel da esquerda tem 50 pontos e o da direita 40 pontos. Qual deles você acha que tem o maior valor? A resposta certa é o da direita, pois apesar de ter menos pontos, quando aplicamos os 4 C’s ele está um nível acima na classificação. 

Joias cravejadas de Diamantes

As gemas adornam as peças do Joias VIP são criteriosamente escolhidas e passam por um rigoroso controle de qualidade. Isso tudo para que nossos clientes tenham a certeza de estar comprando uma joia de qualidade. E você já escolheu o seu Diamante hoje? Corre na nossa loja online encontrar o que mais combina com o seu estilo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *